Blog

photo-1530037768512-3c9a22715452

“Não tenho verba para trabalhar minha comunicação” Por que essa frase é um erro?

Escuto isso praticamente todos os dias e algumas vezes isso é realmente verdade, vejo sinceridade nos empresários que me perguntam isso. Porém, de certa forma me assusta bastante essa visão, de que a comunicação e o marketing são a sobra, se sobrar verba invisto, se não deixo como esta.

Vejo que muitos empresários até consideram a comunicação e o marketing importantes, porém não da maneira que deveriam Afinal, o marketing é essencial para uma empresa se manter no mercado, não existe sucesso sem o marketing.

A verba para o marketing deve ser prevista na concepção da empresa, assim como a do contador e de outras contratações, mas sabemos que não é assim, muitas vezes o marketing é a última coisa que uma empresa vê… Isso quando vê.

Muitos empresários tem a ideia de que vão abrir as postas e os clientes vão correr pra dentro da sua loja para comprar, desesperados, pois seu produto é incrível. Como isso não aconteceria?

Não acontece. A concorrência está cada vez mais forte, temos várias opções do mesmo produto no mercado, investindo forte em comunicação, se você não investir, como as pessoas vão saber que seu produto existe?

Certo dia um empresário me chamou para conversar, não era para me contratar, ele queria apenas saber por que o mercado estava tão difícil para ele e para os concorrentes não. A resposta foi bem simples: Olha as páginas dos seus concorrentes e olha a sua. Pega as 2 principais revistas da cidade e olha. Tem anúncios dos concorrentes, e os seus, onde estão? Não adianta culpar o mercado se nem nossa parte a gente faz.

Quando uma empresa tem uma baixa nas vendas, qual a primeira coisa que cortam? Sim… O Marketing, dispensa a agência. Mas aí, se a empresa está vendendo pouco, corta a ferramenta que pode gerar mais vendas? Cortando isso a tendência é o que? Sim.. É cair ainda mais e o buraco vai ficando cada vez maior.

Imagine a empresa como um carro: o Marketing é uma das rodas desse carro, junto com o financeiro, RH e outras áreas. Um carro até anda um tempo com um pneu furado, mas daqui a pouco vai parar. Você pode até trocar depois, mas o eixo do carro estará comprometido.

Quando uma empresa quebra, o empresário costuma culpar todo o mundo por isso, mas se ele não faz sua parte por completo, como a culpa é dos outros?

A verdade é que se a gente não faz a nossa parte por completo, como vamos culpar os outros? Não podemos. A culpa é nossa.

Olhe para o orçamento, separe uma verba para o marketing e invista com inteligência, é simples, não tem segredo. Garanto que assim sua empresa terá muito mais resultado.

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
Categorias